Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2016

Resenha: Entre o amor e a paixão (Lesley Pearse)

Imagem
Olá estimados leitores, mais uma vez estou aqui no blog para postar a resenha de um livro que foi  lido agora no início de janeiro e que é a continuação de outro livro lido que li faz um tempo e cuja resenha você também pode ler ao Clicar aqui. Como é de praxe, deixo vocês com essa resenha fresquinha desejando que gostem!

Em busca do "felizes para sempre"
É muito habitual a história de uma obra literária ser contada em partes, ainda mais hoje em dia quando um livro consegue atingir um número expressivo de leitores, talvez por isso que Entre o amor e apaixão (Lesley Pearse, Novo Conceito, 511 páginas) , sequência de Belle, tenha sido escrito ou, ainda e mais acertivamente, a autora tenha gostado tanto de seu trabalho anterior que não quis contê-lo num único volume, algo que o leitor percebe ao término do livro onde numa pequena entrevista Lesley Pearse revela que revisitar personagem não é algo comum quando escreve, mas que nesse caso a exceção a regra foi feita por gosto pesso…

Dica de série: Penny Dreadful

Imagem
Olá estimados leitores, no post de hoje gostaria de comentar sobre uma nova série cuja primeira temporada assisti no ano passado e recomendo, principalmente aos que gostam de histórias góticas que mesclem o que há de melhor do horror e sobrenatural. A série da vez conta com artistas conhecidos em Hollywood e que só atesta como esses atores e atrizes, sempre muito versáteis, tem cada vez mais aderido a séries televisivas que, no geral, apresentam conteúdos diversos para todos os gostos. Enfim, como o propósito do post não é falar sobre a viabilidade das séries televisivas após as bem-sucedidas séries da Netflix vamos logo, sem delongas, a minha indicação de série.



Sinopse da primeira temporada: Ethan Chandler (Josh Hartnett), pistoleiro americano muito hábil no manuseio de revólver, é contratado por Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton) e sua misteriosa e paranormal assistente Vanessa Ives (Eva Green) para uma embosca, assim os três partem para a ação ao enfrentarem vampiros escondidos num …

Aperte o Play: artistas diversos

Imagem
Olá pessoal, olha eu aqui mais uma vez! Com vocês têm passado? Espero que bem, ainda mais porque 2016 acabou de começar e nada melhor do que começar com o pé direito e regado a música porque música é o melhor remédio em muitas situações. Pois bem, fazia um bom tempo que eu não postava nada que tivesse relacionado a música e, para falar a verdade, estava sentindo falta kkkk Bom, para me redimir desse sacrilégio, no post de hoje vou indicar não apenas um CD para você ouvir em casa no seu aparelho de som ou via web, mas 5 CDs que me pegaram de jeito no ano passado. O material indicado a seguir vai de algo mais recente a antigos sucessos que estão sempre aí para quem tiver vontade ou curiosidade em ouvir. Sem delongas vamos as dicas, lembrando que estão baseadas em minhas preferências e que podem ou não ser considerados bons dependendo do que os leitores gostam de ouvir.


O primeiro álbum a encabeçar o playlist deste post é de um grupo de que já indiquei aqui no blog lá em 2011, o Within Temp…

Li & Recomendo: Hibisco Roxo

Imagem
Olá pessoal, olha só quem está de volta após quase um ano sem dar as caras kkkkkk... Antes de mais nada gostaria de me desculpar por negligenciar o Conforme à Letra ao extremo, mas uma série e fatores me impediram de ao longo do ano atualizar o blog, sendo o desanimo em escrever um fator chave para todo esse tempo no escuro. Digo de antemão que pretendo tornar esse ano gradativo em postagens e tentarei ao máximo não me deixar desanimar... Bem, sem delongas, a primeira postagem do blog será, como não poderia deixar de ser, a resenha de um livro lido por mim faz meses, mas cuja resenha ficou engavetada uma vez que tratava-se de um trabalho da faculdade (pois é, quem não disse que não podemos aproveitar certas coisas). Enfim, espero que gostem da resenha e se sintam impelidos a ler o livro futuramente.

Como uma flor rara
O desabrochar da adolescência desde sempre é muito complicado para os que vivem essa fase, pois os conflitos internos somam-se as mais nebulosas incertezas no que diz respeito…